Arte de ser e Viver

05/01/2017

O seu dia inicia quando você acorda, independentemente do horário. Nunca é cedo, nunca é tarde, é simplesmente o seu tempo.

A sua jornada de autorreconhecimento começa apenas com a sua permissão. O passo atual é o mais importante, pois não há último passo.

Com a sua permissão e dedicação na prática do conteúdo deste livro, você perceberá a real mudança na sua vida, como desafios no relacionamento, trabalho, saúde física, mental e emocional.

 

 

A Arte de Ser e Viver é um mapa simples, com atalhos para te guiar e apoiar na sua jornada de autorreconhecimento e bem-estar.

Na 1º semana: Exercite diariamente A Arte de Ser e Viver por 7 dias. A meta do dia, a regra do dia e o exercício do dia são os atalhos para observar e seguir nesta jornada de autorreconhecimento e bem-estar.

 

Na 2º semana: Exercite todas as Artes de Ser e Viver num único dia, diariamente, por mais 7 dias.

 

Na 3º semana: Exercite novamente todas as Artes de Ser e Viver num único dia, diariamente, por mais 7 dias.

 

No final da 3º semana você terá exercitado as Artes de Ser e Viver no total de 21 dias.

Lembre-se que seu melhor amigo e pior inimigo é a sua própria mente. E a verdadeira mudança acontece quando você estiver pronto para assumir a responsabilidade por sua vida. A terapia e o terapeuta existem apenas para te apoiar. Você precisa agir e fazer o esforço necessário para ser e viver!

Mensagem para os terapeutas: Terapia não é um processo de curar ou salvar alguém. Terapia é um processo de oferecer amor e apoio com conhecimento e responsabilidade. Cura e bem-estar são consequências.

 

“Dedico A Arte de Ser e Viver a todos os que buscam e para os que acreditam que a jornada de autorreconhecimento, desenvolvimento e evolução pessoal, cura e bem-estar pode ser simples e enriquecedora. O primeiro passo começa apenas com a sua permissão, o passo atual é o mais importante e não há último passo”.

 

1° dia:             Arte do Silêncio e da Respiração

2° dia:             Arte de Pensar e de Sentir

3° dia:             Arte de Ouvir e de Falar

4° dia:             Arte de Ser e de Agir

5° dia:             Arte de Perdoar e de Amar

6° dia:             Arte de Dar e de Receber

7° dia:             Arte de Celebrar e de Recomeçar

 

 

 

 

1° dia - Arte do Silêncio e da Respiração

 

“Tudo muda na sua vida apenas com a sua permissão. Permissão é a chave e o silêncio é o portal para o autorreconhecimento e bem-estar”.

 

No 1° dia permita-se passar o dia em silêncio com você mesmo. Se você precisar falar, expresse apenas o necessário.

 

A meta do dia: Perceber a sua vida, por intermédio do silêncio. O silêncio é o portal para o bem-estar e a paz interior.

A regra do dia: Observe você, os outros e o mundo, em silêncio, sem emitir nenhum tipo de julgamento ou crítica.

 

Importante: Durante o dia se observe, faça o mesmo com os outros e com o mundo – em silêncio, sem emitir nenhum tipo de julgamento ou crítica.  Seja neutro na sua própria observação, dos outros e do mundo. Veja tudo como é, não julgue nada, nem ninguém como positivo ou negativo, apenas observe tudo como é. Permita-se respirar e observar a vida em silêncio sem críticas e sem julgamentos.

Exercício do dia: Durante o dia observe em silêncio a sua respiração, acompanhe mentalmente a entrada e saída do ar em seu corpo. Respire lenta e profundamente, permita que o ar vá fundo até a base do estômago, segure a respiração e conte mentalmente até quatro, solte lentamente a respiração e conte até quatro e depois respire novamente.

Repita este exercício de respiração 21 vezes, três vezes ao dia.

No final do dia, no último momento de silêncio antes de dormir, faça a seguinte pergunta para você mesmo: “O que eu realmente preciso para ser e viver bem na minha vida?”

Durma com esta pergunta sem tentar respondê-la.

 

 

2° dia - Arte de Pensar e de Sentir

 

“A sua vida não se trata do que os outros pensam de você. Ela se trata do que você pensa de si mesmo, pois a sua vida hoje é a manifestação real dos seus pensamentos ontem”.No 2° dia permita-se iniciar o processo de reflexão e pensamento sobre a sua vida, com a pergunta: “O que eu realmente preciso para ser e viver bem na minha vida?”

 

A meta do dia: Fazer o exercício de pensar apenas nas coisas que você precisa e quer na sua vida, para clarear e defini-las.

A regra do dia: Evite pensar nas coisas que você não quer e pense apenas nas coisas que você precisa e quer na sua vida.

 

Importante: Durante o dia observe seus pensamentos. Quando pensamentos negativos vierem à sua mente, imediatamente substitua-os por pensamentos e ideais para a sua vida.

Exercício do dia: Por aproximadamente três minutos, sente-se em silêncio, feche os olhos e imagine, sinta e visualize com detalhe a situação ideal para a sua vida, seja ela qual for: relacionamento, trabalho, saúde, estado emocional, mental, físico, etc. Apenas imagine, sinta, visualize e pense continuamente na situação, com detalhes, como se já estivesse acontecendo da forma ideal.

Repita este exercício sete vezes durante o dia.

No final do dia, antes de dormir, continue imaginando, sentindo e visualizando a situação como se já estivesse acontecendo da forma ideal para a sua vida.

 

 

3° dia - Arte de Ouvir e de Falar

 

“A sua vida não se trata do que os outros falam de você, ela se trata do que você fala de si mesmo, pois a sua vida hoje é a manifestação real das suas palavras de ontem”.

 

No 3° dia permita-se iniciar o processo de expressar com palavras os pensamentos, sentimentos e reflexões do 2° dia.

 

A meta do dia: Exercitar ouvir as pessoas sem interrompê-las, sem criticar e sem julgar. Falar apenas das coisas que você quer, positivamente e com clareza.

 

A regra do dia: Ouça os outros sem interrompê-los, observe as suas palavras, não critique nem julgue ninguém. Evite falar palavras negativas e dirija apenas palavras de amor, elogio e encorajamento para si e para todos.

 

Importante: Durante o dia ouça as pessoas sem interrompê-las, observe as suas palavras e quando começar a falar negativamente ou reclamar das situações da vida, pare! Entre em silêncio, respire, pense e comece a expressar positivamente apenas palavras de amor, elogio e encorajamento para você e para todos.

 

Exercício do dia: Por hoje, exercite ouvir os outros sem interrupção, não critique ou reclame de nada nem de ninguém. Fale apenas palavras construtivas e positivas, dirija apenas palavras de amor, elogio e encorajamento para você, para todos que participam na sua vida e para todos que cruzam o seu caminho.

Faça a seguinte pergunta para você mesmo: Quem sou eu? Como eu me vejo?

 

Para responder esta pergunta pense sobre os adjetivos que descrevem seus talentos e habilidades, por exemplo: “eu sou amoroso (a), carinhoso (a), alegre, inteligente, compreensivo (a), generoso (a), organizado (a), sábio (a), esforçado (a), comunicativo (a)”, etc. Estes são exemplos de talentos e habilidades construtivas e positivas que definem quem você é.

 

Agora sente em silêncio, respire fundo e solte o ar. Com sentimento e pensamento de amor e gratidão pela sua vida comece a falar em voz alta seus talentos e habilidades, por exemplo: “Eu sou alegre”, “Sou alegre!”. Eu sou….”, “Sou……” Continue repetindo todos os seus talentos e habilidades até que você se sinta leve, alegre e em paz.

Repita este exercício sete vezes durante o dia todo.

No final do dia, antes de dormir, expresse pensamentos, sentimentos e palavras da sua definição de quem você é. “Eu sou…, Sou……..etc.”

 

 

 

 

4° dia - Arte de Ser e de Agir

 

“Nós não apenas vivemos no mundo, como também o mundo vive em nós. A nossa vida e tudo a nossa volta é exatamente a projeção da realidade do mundo que vive em nós. Você é hoje quem e o que você acredita que é”.

 

No 4° dia permita-se a iniciar o processo de rever e redefinir a sua forma de se ver, de ser e agir.

 

A meta do dia: Definir positivamente o seu plano de ação e agir utilizando seus talentos e habilidades, alinhados com o exercício do 3° dia.

 

A regra do dia: Exercite sendo quem você definiu que é e coloque seus planos em ação, exercitando seus talentos e habilidades positivamente.

 

Importante: Durante o dia preste atenção na sua respiração, pense e fale positivamente nas coisas que você quer, pense e fale nos seus talentos e habilidades, acreditando que você já é tudo que definiu ser (diferente em querer ser, você já é). Agora comece a ser e agir conforme a realidade de quem você definiu que é e agir alinhado com as propostas que você definiu para sua vida!

 

Exercício do dia: Faça cinco colunas no papel:

 

● Na 1ª coluna, faça uma lista das situações que você quer mudar ou melhorar na sua vida pessoal ou profissional.

 

● Na 5ª coluna escreva a meta ou objetivo, sua situação ideal. Pergunte para você mesmo: “Se esta situação já estivesse resolvida, qual seria a forma prática e ideal para mim e para todos?” (imagine e escreva a situação como se  já estivesse resolvida, ou seja, a sua situação ideal).

 

● Na 2ª coluna, escreva seus talentos e habilidades, por exemplo: amoroso (a), carinhoso (a), alegre, inteligente, compreensivo (a), generoso (a), organizado (a), sábio (a), esforçado (a), comunicativo (a), etc.

 

● Na 3ª coluna, escreva como você pode usar criativamente os seus talentos e habilidades da segunda coluna, para atingir as metas ou objetivos escritos na quinta coluna. Inclua também as pessoas e coisas que podem te ajudar.

 

● Na 4ª coluna, escreva as ações a serem tomadas em curto, médio e longo prazo.

Agora, antes de começar a agir, pergunte para si mesmo se você realmente precisa disso na sua vida. Sinta a resposta dentro de você. Se a resposta for “sim”, então comece a ser e agir hoje mesmo! Se a resposta for “não”, pense em rever o objetivo, pois provavelmente foi mais uma projeção das realidades dos outros em sua vida.

Repita este exercício durante o dia todo.

No final do dia, antes de dormir, imagine e visualize você sendo e agindo positivamente, com amor e alegria dentro das situações que você definiu como se já estivessem acontecendo da forma ideal para sua vida.

 

5° dia - Arte de Perdoar e de Amar

 

“Queremos todos amar e ser amados, mas estamos muito magoados para reconhecer que o verdadeiro inimigo é o nosso próprio orgulho, orgulho de perdoar e de amar. Não há como conhecer o amor sem conhecer o perdão”.

 

No 5° dia permita-se continuar no processo de ser e agir alinhado com quem você definiu ser e também com a definição do que você quer. Geralmente, as duas coisas podem ser definidas com uma só frase: “você quer amar e ser amado”. Permita-se iniciar o processo de resgatar o amor por meio do perdão.

A meta do dia: Agir para resgatar a paz interior, a alegria da alma e o bem-estar mental e emocional por intermédio do exercício do amor e do perdão por você e por todos.

 

A regra do dia: Empenhe-se para perdoar a si mesmo e perdoar os outros com humildade. Expresse o amor por você e por todos que participam da sua vida ou que cruzam o seu caminho.

Importante: Durante o dia expresse o amor por você e por todos que participam da sua vida ou que cruzam o seu caminho, por meio de pequenos ou grandes atos de carinho, ação e palavras.

Observe que o processo de mágoa e o de ser magoado é um ciclo vicioso do ser humano. Agora você pode mudar este ciclo na sua vida com a arte de perdoar e amar.

 

Exercício do dia:

 

● Escreva uma lista com o nome das pessoas que você precisa perdoar ou pedir perdão. Inclua o seu nome nesta lista.

 

● Faça um círculo em volta de cada nome.

 

● Agora encoste os dedos sobre cada nome e imagine que você está segurando a mão desta pessoa.

 

● Com coração aberto, em silêncio, feche os olhos e repita as seguintes frases várias vezes, sentindo cada palavra como se estivesse sendo pronunciada diretamente para a pessoa, até que você se sinta leve e em paz:

 

“(nome da pessoa) Eu sinto muito”

“Eu me perdôo e eu te perdôo”  

“Eu me amo e eu te amo”

 “Eu sou grato (a) pela minha e pela a sua existência”

Repita este exercício várias vezes ao dia, até que você se sinta leve e com sentimento de amor e paz, para cada pessoa na sua lista.

No final do dia, antes de dormir, expresse amor, perdão e gratidão para você mesmo, continue até que você se sinta leve e em paz. Depois durma com o coração leve e aberto para receber uma nova realidade em sua vida.

 

 

6° dia - Arte de Dar e de Receber

“Uma das maiores artes de ser e viver é saber abrir mão das realidades que não servem mais na sua vida para receber com gratidão uma nova realidade, e depois abrir o coração para doar com amor”.

No 6° dia. Hoje, esteja aberto para observar e participar do ciclo de receber com gratidão e de dar com amor.

 

A meta do dia: Estar aberto para receber e reconhecer as pequenas e grandes coisas que chegam ao seu caminho – com gratidão, mesmo que não estejam dentro das expectativas consideradas positivas por você. Procurar também dar seu tempo, carinho, palavra, apoio, talento, recurso, etc. para alguém que esteja precisando de ajuda, sem esperar nada em troca.

 

A regra do dia: Observe e reconheça as pequenas e grandes coisas que você venha a receber hoje, com gratidão. Exercite a doação, oferecendo para quaisquer pessoas apoio ou ajuda dentro das necessidades deles.

 

Importante: Durante o dia recebemos tantas coisas simples e importantes como o próprio ar que respiramos livremente e não damos o devido valor. Importante lembrar que a palavra doar vem da expressão “do ar”, ou seja, aquilo que é mais abundante, vital e livre, o próprio elo da vida. Quando você dá muita atenção somente para si mesmo, você se sente só e desconectado. Quando você começa a doar e dar atenção para os outros, você começa a dissipar a ilusão da separação e se reconectar com alegria de ser e viver.

 

Exercício do dia:

 

● Faça uma lista das pessoas que você conhece: amigos, parentes, conhecidos, etc. Lembre-se de incluir as pessoas que você tem pouco contato ou perdeu contato, e institutos de caridade.

 

● Ligue ou escreva para todos de sua lista e pergunte como eles estão e ouça em silêncio sem interromper, converse e depois pergunte com o coração se há algo que eles precisem e que você possa ajudar.

 

● Durante o dia, preste atenção a todas as oportunidades de apoiar, doar ou ajudar alguém.

Repita este exercício durante o dia todo.

No final do dia, antes de dormir, pense sobre tudo que você recebeu hoje, desde o próprio ar que você respirou e também em todos os momentos e oportunidades onde você se permitiu doar seu tempo, carinho, palavra, apoio, talento e recurso para alguém que estava precisando, e depois durma com alegria e paz no coração.

 

7° dia - Arte de Celebrar e de Recomeçar

 

“Hoje é o único dia da sua vida”.

No 7° dia. Hoje é o dia de celebrar a sua vida e de recomeçar um novo ciclo. Antes de começar o dia faça a seguinte pergunta: “O que eu faria se hoje fosse o último dia da minha vida?”

A meta do dia: Exercitar a gratidão e redescobrir o sentido da vida por meio da celebração.

A regra do dia: Aceite e celebre os resultados e as mudanças internas e externas dos últimos 6 dias, como resultado de seu nível de permissão e seu esforço no seu processo de ser e viver.

Importante: Hoje, faça de cada ato e experiência do seu dia um ato de celebrar a vida, seja em coisas que você considera pequenas ou grandes. Durante o dia coloque como objetivo o exercício de ver tudo como um ato de celebração – desde a água e as refeições do dia, caminhar no parque ou na praia, dançar, cantar, ver um show ou simplesmente sentar e apreciar a vida sem fazer nada.

Exercício do dia:

 

● Pense nas coisas que te dão prazer, leveza e alegria, incluindo as coisas simples que você sempre quis fazer, mas nunca se deu tempo, prazer ou permissão de fazer. Podem ser coisas simples como: convidar amigos para um jantar e conversar, sair e caminhar acompanhado ou sozinho no parque ou na praia, sair para dançar ou dançar em casa, ler, cantar, ver um show ou simplesmente sentar e apreciar a vida sem fazer nada.

 

● Estabeleça a intenção de viver este dia, como uma experiência de celebrar a vida com gratidão, prazer, leveza e alegria.

Repita este exercício durante o dia todo.

Amanhã é o dia de recomeçar um novo ciclo da sua vida.

No final do dia, antes de dormir faça a seguinte pergunta: “O que eu faria se amanhã fosse o primeiro dia da minha vida?”

 

Após sete dias, recomece novamente a Arte de Ser e Viver. Desta vez, exercite todas as artes de ser e viver num único dia por mais sete dias.

Após a segunda semana, exercite novamente todas as artes de ser e viver num único dia por mais sete dias.

 

No final da terceira semana você terá exercitado as artes de ser e viver no total de 21 dias.

Com a sua permissão e dedicação neste processo, você perceberá a real mudança em sua vida, seja em relação aos desafios nos relacionamentos, seja no trabalho ou na saúde física, mental e emocional.

Lembre-se que o seu melhor amigo e pior inimigo é a sua própria mente. E a verdadeira mudança acontece quando você estiver pronto para assumir a responsabilidade em relação à sua vida. A terapia e o terapeuta existem apenas para te apoiar. Você precisa agir e fazer o esforço necessário para ser e viver!

 

 

Please reload

Posts Recentes

08/29/2015

Please reload

Tags
Please reload

Siga-nos
  • Facebook Classic
Conheça mais sobre o Livro Arte de Ser e Viver