Reflexões sobre Mudanças

13/10/2016

 

Existem basicamente 3 tipos de mudanças na vida: as mudanças que você pensou e decidiu fazer, as mudanças que você foi convidado a participar junto com os outros e as mudanças que a vida te obrigou a fazer.

 

Sabemos que cada movimento na vida, cada decisão, nos proporciona pequenas ou grandes mudanças. Fazemos muitos planos baseados nas expectativas das mudanças e às vezes quando as mudanças não acontecem dentro das expectativas que consideramos positivas, começamos a sofrer. Perceba que os planos quando são feitos com amor, nunca falham, eles mudam! Tudo que você precisar fazer é parar, observar e se perguntar: “para que direção os meus planos mudaram?”

 

Responda esta pergunta dentro da sua honestidade e verdade emocional e depois faça os ajustes necessários para permitir o fluxo continuo da sua vida com harmonia. As mudanças são apenas pontos onde se encerram um ciclo em nossa vida e se inicia outro ciclo.

 

Eu tenho uma percepção das mudanças da vida que eu chamo de dança cósmica: imagine que você está fazendo uma dança de salão com o universo. Às vezes você é quem conduz a dança e o universo vai te seguindo numa boa! Às vezes é o universo quem conduz a dança e então você precisa segui-lo! Isto é a realidade da nossa vida dentro do processo de co-criação.

 

Porém às vezes queremos conduzir a dança o tempo todo! Queremos controlar todos os passos dentro das nossas crenças, realidades e expectativas. Queremos que o universo dance conforme a música que escolhemos, esquecendo que a dança, como um processo de co-criação, é dinâmica! Ou seja, a música muda, os parceiros mudam e os passos também devem mudar!

 

Quando o universo quer conduzir a dança, ele simplesmente PÁRA os seus movimentos e então começa a nos guiar com novos passos. O problema é que muitas vezes não percebemos quando isto acontece, achamos que a vida parou. Tudo mudou, nada mais acontece, nada flui, tudo pára: a vida pessoal e profissional.

 

Quando você compreende que a vida é uma dança cósmica entre você e o universo, a sua vida começa a mudar. Você percebe quando o universo quer guiar a dança e você simplesmente pára de resistir e controlar para permitir que o universo te guie com sabedoria. 

 

Muitas vezes você faz planos e inicialmente tudo flui conforme as suas expectativas e, de repente, tudo pára. Pode ser nos negócios ou nos relacionamentos. Você se frustra pensando que seus planos falharam, mas na verdade eles mudaram, pois a música mudou e o seu parceiro de dança, que é o universo, quer te guiar para uma nova realidade, que na verdade é uma extensão da mesma realidade, porém numa direção diferente da qual você planejou. Isto é o verdadeiro momento de mudança e o que podemos fazer é parar, observar e se perguntar: “para que direção os meus planos mudaram?”, pois esta é a direção que o universo está querendo conduzir a sua dança.

 

A mudança é uma decisão compartilhada entre você e o universo. Às vezes é você quem decide e às vezes é o universo. Aprenda a lidar com todas as mudanças com leveza e flexibilidade, ampliando a sua percepção e redescobrindo novas possibilidades e experiências e logo, logo o universo irá parar de levar os passos e começar a esperar que você conduza novamente a dança, como você quiser. Tenha paciência para ouvir e seguir os passos nestas mudanças.

Please reload

Posts Recentes

08/29/2015

Please reload

Tags
Please reload

Siga-nos
  • Facebook Classic
Conheça mais sobre o Livro Arte de Ser e Viver